A desburocratização do estado é um tema frequente na campanha de Jairo Jorge (PDT) ao governo do Rio Grande do Sul. No debate entre os concorrentes ao Piratini promovido pela TV Bandeirantes em 16 de agosto, Jairo afirmou que o licenciamento ambiental no RS leva 900 dias. O documento é necessário para a instalação de novos empreendimentos que possam gerar impacto no meio ambiente. 

Taís Seibt, do Filtro Fact-checking

Ao falar sobre a taxação de produtos primários como forma de recuperar o caixa do Rio Grande do Sul, em entrevista para o Jornal do Comércio, de Porto Alegre, publicada na edição impressa de 13 de agosto, Roberto Robaina (PSOL) argumentou que o setor é um dos que pagam salários mais baixos aos trabalhadores. 

Taís Seibt, do Filtro Fact-checking

Roberto Robaina (PSOL) voltou a falar sobre a taxação de produtos primários como forma de recuperar o caixa do Rio Grande do Sul, em entrevista para o Jornal do Comércio publicada na edição impressa de 13 de agosto. Para ele, os incentivos ao setor agropecuário não se justificam porque este seria o setor que menos emprega na economia. “Esse é o setor que menos emprega na economia e, por sinal, um dos que pagam os salários mais baixos”, disse o candidato. 

Bruno Moraes e Taís Seibt, do Filtro Fact-checking

Sempre que uma nova eleição se aproxima, começam a circular correntes e campanhas a favor do voto branco ou nulo como forma de rejeição a todos os candidatos. Essas mensagens afirmam que, supostamente a lei eleitoral prevê a invalidação de uma eleição se mais de 50% dos eleitores anular o voto ou votar em branco. Mas isso não é verdade. 

Taís Seibt, do Filtro Fact-checking

Tendo como candidato a vice o delegado Ranolfo Vieira Júnior (PTB), que foi chefe da Polícia Civil no RS de 2011 a 2014, no governo Tarso Genro (PT), Eduardo Leite (PSDB) fez referência ao aumento na taxa de elucidação de homicídios no estado no período em que o colega de chapa esteve à frente da polícia. Com a criação de delegacias especializadas na investigação de homicídios, a taxa de elucidação desses crimes passou de 20% para mais de 70% de 2013 para 2014. 

Taís Seibt e Bruno Moraes, do Filtro Fact-checking

Candidato do PT ao governo do Rio Grande do Sul, Miguel Rossetto afirmou que o porto do Rio Grande, que concentra as mais importantes exportações gaúchas – de produtos primários, como a soja, aos automóveis – estaria perdendo calado pela falta de dragagem, prejudicando a movimentação de cargas. A declaração ocorreu em sabatina promovida pela Associação Rio-Grandense de Imprensa no dia 9 de agosto.

Naira Hofmeister, do Filtro Fact-checking